Tchau Arch. Olá Ubuntu!

Pois é, mais uma vez troquei de distribuição Linux. E garanto que o Ubuntu era a coisa que eu menos queria, até vê-lo consumir quase o mesmo de RAM que o Arch consumia, com o visual mais bonito. Fiquei realmente espantado com a versão 10.04 do Ubuntu e resolvi testar. Instalei ontem e até agora não tive um pingo de arrependimento. 

Tenho uma máquina que roda suficiente bem os programas que uso sem ter perda de performance. Não há motivos pra ficar capando o sistema, fazendo com que rode mais leve.

Uma coisa que me impressionou foi o fato do Compiz funcionar usando o drive opensource da ATI. Eu tentei de todas as formas fazer com que isso funcionasse no Arch e não consegui de jeito nenhum. Algumas pessoas podem até ter conseguido usá-lo, mas não tão facilmente como no Ubuntu.

Uma outra coisa é a facilidade para se instalar programas no sistema. Usei algumas distribuições Linux e sei o quanto é chato instalar programas. No Ubuntu isso é bem fácil. Ainda mais com o Ubuntu Software Center

Ainda estou me acostumando com o Ubuntu. Não tenho muita prática em sistemas que faz tudo só. Acho que o Slackware me deixou mal acostumado. Mas até que está sendo legal deixar que ele faça tudo.

Realmente o Ubuntu 10.04 me surpreendeu. Como disse minha amiga Nêien, sou um rendido!

Depois posto alguns screenshots do novo sistema. Rodando o Compiz e o Emerald :~.

🙂 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.